Victor e Leo

Victor (Vitor Chaves Zapalá Pimentel) e Leo (Leonardo Chaves Zapalá Pimentel) são irmãos, criados na pequena cidade de Abre Campo-MG e nascidos em Ponte Nova-MG. Ainda crianças, ouviam canções do regional sertanejo na radiola do avô, Tonico Chaves, ou quando viajavam com seu pai em serviço, no carro.

Aos onze anos, a partir de uma iniciação, junto ao professor Jésus Fernandes, Victor fazia seus primeiros acordes ao violão e era o começo de um toque único e autodidacta. Leo chegou a participar de um conjunto musical mas foi em 1992 que cantaram juntos pela primeira vez, mal sabendo eles o que seguiria após tantas noites de cantoria na pracinha, junto aos amigos e curiosos.

Ao participarem de um festival regional, também em Abre Campo, ingressaram na noite da região tocando em diversos bares e casas.

Em 1993, Victor fez sua primeira canção. Em 1994, mudaram-se para Belo Horizonte -MG com o intuito de aprimorar os estudos, mas a paixão pela música falou mais alto e eles resolveram dedicar-se inteiramente a ela. Unindo técnica e prática, cantaram por sete anos na noite da capital mineira, onde estudaram canto por cinco anos.

Respectivamente, em 1997 e 1998, Victor&Leo gravaram seus dois primeiros CD´s, ambos promocionais e de caráter não comercial, contendo, cada um, quatro faixas de autoria de Victor.

Em 2001, ousadamente, mudaram-se para São Paulo-SP, com a intenção de expandir sua música, já tão própria e notoriamente diferente. Foram contratados pela gravadora Number One Music, e lançaram seu primeiro CD, Vitor e Leo, contendo 11 faixas, sendo 8 de autoria de Victor.

No final de 2002, saíram da gravadora e tornaram-se independentes para produzirem, eles mesmos, seu próprio trabalho.Ingressaram na noite paulistana, como que começando do zero e, aos poucos, novos fãs e um crescente público próprio lotavam as casas em que se apresentavam para cantar e ouvir canções ainda desconhecidas como “Fada”, “Vida Boa” e “Amigo Apaixonado”. Além das letras e arranjos apurados de suas canções, o jeito de expressarem-se, o carinho para com as pessoas e a forma diferente com que interpretavam canções de outros artistas impressionavam o público. Foi aí que, em 2004, lançaram seu segundo CD, intitulado “Vida Boa”, independente, produzido pela dupla e a base do seguinte CD, Victor & Leo ao Vivo.

Em 2005, Victor&Leo criaram seu próprio site, [1], através do qual, até hoje, mantém seu público informado e absorvem novos adeptos, destacando-se pela exclusiva atenção dada aos visitantes, além de um rico conteúdo.

Ainda em 2005, a pedido de seu público, Victor&Leo gravam seu terceiro CD de mercado e o qe seria seu primeiro trabalho reconhecido nacionalmente: Victor&Leo ao Vivo. A gravação foi em show, no Bar Avenida Club, em São Paulo-SP. Este CD impressiona pela qualidade e originalidade de seu conteúdo. Com o timbre afinado e marcante da voz de Leo junto a uma presente segunda voz e ao toque único de Victor ao violão, foi totalmente produzido e arranjado pela dupla e possui, de suas 15 faixas, 9 de autoria de Victor, como “Amigo Apaixonado”, “Fada”, “Lembranças de Amor”, “Vida Boa” e “Sinto Falta de Você”.

Em meados de 2006, o CD “Victor&Leo ao Vivo”, sem qualquer significativo investimento e sem gravadora, desponta-se, do interior do país, envolvendo o triângulo mineiro, Goiás, Mato Grosso e São Paulo, para todo o Brasil com aceitação rara, até mesmo entre pessoas não simpatizantes pela música sertaneja, gerando shows lotados e de alta emoção por diversas cidades, em diferentes estados.

Estimam-se que, em 2007, tenham sido pirateadas mais de 2 milhões de cópias do CD Victor&Leo ao Vivo, em todo o Brasil.

Em junho de 2007, a dupla foi contratada pela gravadora Sony/BMG, que passou a distribuir o CD Victor&Leo ao Vivo que, mesmo tendo sido tão pirateado, em seu primeiro mês de distribuição, já estava entre os 10 mais vendidos do país e no terceiro mês, já rendia à dupla, seu primeiro “Disco de Ouro”, referente a 60.000 cópias vendidas, recebido das mãos do apresentador Fausto Silva, já na primeira vez em que foram ao seu programa, Domingão do Faustão. Neste mesmo mês, gravaram seu primeiro DVD e, advindo dele, o quarto CD, iintitulados” Victor&Leo ao Vivo em Uberlândia” , junto a um público de mais de 30.000 pessoas, reunido para este show de gravação.

Produzido e arranjado por Victor&Leo e distribuído pela Sony/BMG, “Ao Vivo em Uberlândia” destaca-se por estar entre os 5 produtos, tanto em DVD como em CD, mais vendidos do país e por manter o nome da dupla ocupando as primeiras posições em sites de busca de letras e em rádios, do norte ao sul do país.

Após o lançamento de “Victor&Leo ao Vivo em Uberlândia”, a dupla tornou-se um nome artístico sinônimo de eventos lotados, ingressos esgotados, interação espantosa entre platéia e artista. Para quem assiste o show, fica impossível saber qual, entre tantos sucessos de um mesmo produto, é o mais cantado pelo público. Entre “Vida Boa”, “Sinto Falta de Você” e “Amigo Apaixonado”, “Fotos”, “Tem que ser Você”, “Fada”, “Chuva de Bruxaria” , “Lembranças de Amor”e todo um repertório impressionantemente forte, está a justificada primeira posição do nome Victor Chaves, entre os maiores arrecadadores de direitos autorais na lista do ECAD.

Em 2007, os mais de 200 shows feitos pela dupla, em diversos estados entre sul, sudeste e nordeste do país, reuniram multidões de 10, 20, 30 e 40 mil pessoas, em eventos isolados e que mal haviam se preparado para tanto. O público aproximado que assistiu Victor&Leo cantarem ao vivo em 2007, foi de mais de 2 milhões e meio de pessoas. Superando as expectativas dos mais otimistas, Victor&Leo se firmaram como um dos maiores fenômenos da música. Representando o marco de um novo estilo e postura, o trabalho da dupla inspira uma legião de novos artistas para não somente cantar e produzir originalmente, mas também portar-se bem diante do mundo e das pessoas.

Em 2008, novos recordes de público em diversos estados e eventos mostraram que talento e verdade não possuem validade. E neste ano tiveram aproximadamente 3 milhões e meio de espectadores em mais de 200 shows, além de mais de 20 milhões de vews no site Youtube.

O rádio é aprova mais viva do espantoso sucesso alcançado pela dupla que, consecutivamente , vira suas canções de trabalho sem sair das primeiras posições em execução. No topo das mais tocadas do país estiveram “Amigo Apaixonado”, “Fada”, “Vida Boa”, “Fotos”, “Tem que ser Você”, trilha sonora da novela global “A Favorita”, “Borboletas” e agora, “Nada Normal”, tema da novela Paraíso, das 18:00h, da rede Globo, ao lado de “Deus e Eu no Sertão”(como tema de abertura).

Em 2009, Victor & Leo se consagram de vez em versatilidade e diversidade, sendo a primeira dupla, em 12 anos, a participar do tradicional e fechado festival de rock “Planeta Atlântida”, que acontece em Santa Catarina e Rio Grande do Sul, provando assim que sua universalidade musical os leva a públicos muito diferentes, ao mesmo tempo e com mesma aceitação. Além de terem estado igualmente entre atrações principais em festivais como o Festival de Verão de Salvador-BA e do Recife-PE.

Vencedores do Prêmio TIM 2008, indicados ao Grammy Latino 2008, e vencedores do Oscar do rodeio nacional- Troféu Arena de Ouro 2009-, como “Melhor dupla sertaneja 2007/2008”, sempre reconhecidos por sua forma diferente e única de fazer música e pelo carinho com que tratam as pessoas, Victor&Leo são artistas que, em uma só dupla, reúnem talento para compor, produzir, arranjar, dirigir, tocar e interpretar.

Alguns Sucessos:

Estrela Cadente

Tem Que Ser Você

Deus e Eu no Sertão

Tags: , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: